Massagem modeladora: o que é, para que serve e como funciona

A massagem modeladora é uma técnica que utiliza movimentos manuais intensos e profundos, com o objetivo de reorganizar as camadas de gordura, promovendo a harmonização dos contornos corporais. Além disso, quando aplicada com a técnica correta, pode auxiliar na redução de medidas e na retenção de líquidos, estimular a circulação sanguínea e o metabolismo e contribuir para a melhora da auto-estima e da qualidade de vida.

É um procedimento que, quando combinado com outras técnicas, como radiofrequência e cavitação, ou até mesmo com princípios ativos que aumentem o calor local, como cremes e óleos, com Centella Asiática, por exemplo, ajuda a reorganizar a gordura localizada, diminuindo medidas de forma mais eficiente e duradoura.

Para ter o efeito desejado, é recomendado fazer a massagem modeladora numa clínica de estética e com um profissional qualificado, para evitar possíveis lesões na pele. A massagem pode ser realizada 1 ou 2 vezes por semana, dependendo do protocolo estabelecido e dura, em média, 40 minutos.

Para que serve

A massagem modeladora é indicada para melhorar a oxigenação dos tecidos, estimular o sistema linfático e auxiliar no rompimento das células de gordura. A partir de movimentos rítmicos e vigorosos, aplicando uma pressão maior do que outras técnicas de massagem, a massagem modeladora consegue ultrapassar as camadas mais superficiais da pele, alcançando as células adiposas e proporcionando uma silhueta mais definida.

Além de auxiliar na redução de medidas, a massagem pode promover outros benefícios, como: 

  • Proporcionar relaxamento;
  • Diminuir a tensão muscular;
  • Amenizar celulites;
  • Ajudar no funcionamento do intestino, reduzindo a prisão de ventre.

Os movimentos aplicados na pele aumentam o calor local, por isso é recomendado utilizar cremes ou óleos durante a massagem, que estimulem e aumentem o metabolismo, como: cafeína, chá verde, mentol ou nicotinato de metila, por exemplo, para potencializar os efeitos da massagem.

Como funciona

Esse tipo de massagem usa manobras intensas sobre a pele, utilizando pressão através de movimentos de amassamento e deslizamento, com ritmo constante e frequência de, aproximadamente, 5 segundos para cada movimento. Ao realizar os movimentos, a região escolhida começa a apresentar mais calor e uma leve vermelhidão, o que proporciona que os princípios ativos tenham mais eficácia, além de deixar a pele mais maleável e, consequentemente, reorganizando a gordura local. 

Como fazer a massagem modeladora

A massagem modeladora deve ser feita por esteticistas e fisioterapeutas especialistas em dermato funcional, que utilizam movimentos rápidos e profundos, com o objetivo de mobilizar a gordura localizada. A massagem pode ser realizada do seguinte modo:

  1. Realizar a esfoliação por toda a região a ser tratada. Em seguida, retirar o esfoliante com água e uma toalha macia. Veja 4 opções de esfoliantes naturais caseiros;
  2. Aplicar um creme ou sérum com centella asiática, por exemplo, no local a ser tratado até a sua completa absorção. Confira os benefícios da Centella asiática ;
  3. Realizar a massagem modeladora, aplicando sobre a área um creme ou óleo que auxilie nos movimentos.

A técnica pode ser aplicada onde há um acúmulo maior de gordura, como abdômen, braços, quadril, glúteos e culote. A massagem pode ser feita até 2 vezes por semana, associada sempre a uma alimentação saudável e exercícios físicos, que irão contribuir para a queima de gordura. Conheça 15 dicas para emagrecer de forma saudável.

O profissional pode ainda utilizar protocolos que envolvam outros tratamentos estéticos, além da massagem, para alcançar melhores resultados. A radiofrequência é uma ótima opção para incluir no protocolo de tratamento, pois eleva a temperatura da pele e do músculo, promovendo a produção de colágeno, ajudando a eliminar gordura localizada e tratar a celulite. Veja os benefícios da radiofrequência para o corpo.

Dúvidas sobre massagem modeladora

Algumas dúvidas comuns sobre a massagem modeladora são:

Massagem modeladora emagrece? 

A massagem modeladora pode reorganizar o tecido adiposo, deixando uma aparência mais uniforme da pele, no entanto, não elimina a gordura, nem altera o peso e o IMC. Veja como calcular o IMC.

É possível observar diferenças no aspecto e circunferência em todas as regiões, após o procedimento, porém a massagem apresenta um efeito mais significativo principalmente na região do abdômen, reduzindo medidas nas primeiras aplicações.

Os resultados podem ser notados, principalmente, após 10 sessões do tratamento, em que pode haver diminuição de até 5 cm nas medidas na circunferência abdominal e que a gordura inicialmente dura, torna-se mais maleável.

Quanto tempo duram os efeitos? 

Os efeitos da massagem modeladora podem variar dependendo de alguns fatores, como alimentação e a prática ou não de atividade física. Por isso, é recomendado associar uma dieta equilibrada e exercícios físicos regulares para que os resultados sejam mais duradouros. 

Contraindicações 

A massagem modeladora não deve ser realizada em algumas situações, como:

  • Gestantes;
  • Pacientes com febre;
  • Problemas cardíacos;
  • Osteoporose
  • Pressão alta;
  • Varizes.

A massagem modeladora quando não realizada de maneira correta, pode provocar alterações na coloração da pele, como hematomas, além de dor intensa, por isso, é indicado fazer o procedimento com um profissional qualificado.

Conteúdo original publicado por Tua Saúde