body{-webkit-animation:-amp-start 8s steps(1,end) 0s 1 normal both;-moz-animation:-amp-start 8s steps(1,end) 0s 1 normal both;-ms-animation:-amp-start 8s steps(1,end) 0s 1 normal both;animation:-amp-start 8s steps(1,end) 0s 1 normal both}@-webkit-keyframes -amp-start{from{visibility:hidden}to{visibility:visible}}@-moz-keyframes -amp-start{from{visibility:hidden}to{visibility:visible}}@-ms-keyframes -amp-start{from{visibility:hidden}to{visibility:visible}}@-o-keyframes -amp-start{from{visibility:hidden}to{visibility:visible}}@keyframes -amp-start{from{visibility:hidden}to{visibility:visible}}body{-webkit-animation:none;-moz-animation:none;-ms-animation:none;animation:none} h1, h2, h3 { font-weight: normal; } amp-story-page { background-color: #131516; } amp-story-grid-layer { overflow: visible; } @media (max-aspect-ratio: 9 / 16) { @media (min-aspect-ratio: 320 / 678) { amp-story-grid-layer.grid-layer { margin-top: calc((100% / 0.5625 - 100% / 0.6666666666666666) / 2); } } } @media not all and (min-resolution:.001dpcm) { @media { p.text-wrapper > span { font-size: calc(100% - 0.5px); } } } .page-fullbleed-area, .page-background-overlay-area { position: absolute; overflow: hidden; width: 100%; left: 0; height: calc(1.1851851851851851 * 100%); top: calc((1 - 1.1851851851851851) * 100% / 2); } .element-overlay-area { position: absolute; width: 100%; height: 100%; top: 0; left: 0; } .page-safe-area { overflow: visible; position: absolute; top: 0; bottom: 0; left: 0; right: 0; width: 100%; height: calc(0.84375 * 100%); margin: auto 0; } .mask { position: absolute; overflow: hidden; } .fill { position: absolute; top: 0; left: 0; right: 0; bottom: 0; margin: 0; } @media (prefers-reduced-motion: no-preference) { .animation-wrapper { opacity: var(--initial-opacity); transform: var(--initial-transform); } } amp-story-grid-layer.align-bottom { align-content: end; padding: 0; } .captions-area { padding: 0 32px 0; } amp-story-captions { margin-bottom: 16px; text-align: center; } amp-story-captions span { display: inline-block; margin: 0; padding: 6px 12px; vertical-align: middle; border-radius: 15px; background: rgba(11, 11, 11, 0.6); color: rgba(255, 255, 255, 1); font-family: -apple-system, BlinkMacSystemFont, "Segoe UI", Roboto, Oxygen-Sans, Ubuntu, Cantarell, "Helvetica Neue", sans-serif;; font-size: calc(4 * var(--story-page-vw)); line-height: 1.4; word-break: break-word; word-wrap: break-word; overflow-wrap: break-word; } Modelo 2

Após recomendação do Ministério da Saúde, RS relata falta de doses de CoronaVac para crianças de 3 a 5 anos

Veja Mais

O Ministério da Saúde recomendou nesta sexta-feira (15) que estados e municípios ampliem a aplicação da Coronavac para crianças de 3 a 5 anos. O governo do RS, no entanto, afirma que não há doses do imunizante fabricado pelo Butantan em seus estoques. Por meio da Secretaria Estadual de Saúde (SES), o estado ainda demonstra "preocupação", pois é necessário ter doses suficientes para aplicação de duas doses com intervalo de 28 dias. Leia a nota completa da SES abaixo.

Veja Mais

Uma análise mais detalhada com orientações para os municípios deve ser divulgada pela SES na segunda-feira (18), mas a pasta adiantou que "a maioria das cidades já manifestou não ter mais doses deste imunizante em estoque". A prefeitura de Porto Alegre, por exemplo, afirma que não há doses suficientes de CoronaVac nos estoques da cidade para iniciar a imunização dessa faixa etária.

Veja Mais

O Ministério da Saúde se manifestou favoravelmente à aplicação de CoronaVac para crianças entre 3 e 5 após decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que autorizou a ampliação da Coronavac para crianças nessa faixa etária na quarta-feira (13).

Veja Mais

A decisão foi tomada após a análise de um pedido apresentado pelo Instituto Butantan em 11 de março para liberação do imunizante contra a Covid-19 para essa faixa etária.

Veja Mais

Conforme o Ministério da Saúde, a decisão será formalizada em nota técnica aos estados. As secretarias de Saúde do RS e de Porto Alegre afirmam que ainda não receberam notificação formal. Por enquanto, o Ministério orienta que sejam utilizados os estoques existentes no estados e municípios, mas disse que "segue em tratativas para aquisição de novas doses".

Veja Mais

Um cronograma de entrega de doses adicionais também deve ser estabelecido em breve.

Veja Mais

Anvisa aprova o uso emergencial da CoronaVac pra crianças de 3 a 5 anos

Veja Mais

Veja Mais

Nota da Secretaria Estadual de Saúde do RS

Veja Mais

Diante da aprovação do uso do imunizante Coronavac para crianças entre 3 e 5 anos, realizada pela ANVISA nesta quarta-feira, 13, a Secretaria Estadual da Saúde, iniciou análise do quantitativo de doses disponíveis em todos os municípios do estado. A maioria das cidades já manifestou não ter mais doses deste imunizante em estoque.

Veja Mais

O Estado do Rio Grande do Sul não dispõe de doses de Coronavac no Centro Estadual de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos (Ceadi), uma vez que todas as vacinas foram distribuidas aos municipios uma vez que na falta de imunizantes da Pfizer, doses de Coronavac foram utilizados para completar o esquema vacinal de adolescentes.

Veja Mais

Existe uma preocupação especial da Secretaria Estadual da Saúde pois o esquema vacinal da Coronavac é de 28 dias. Então, para iniciar o processo é necessário ter estoque para atender as duas doses. Nota do Ministério da Saúde divulgada no fim da tarde desta sexta-feira, 15, relata a falta de doses de Coronavac nos estoques federal. Por este motivo a SES finalizará a análise na segunda-feira para orientar a melhor conduta no processo de vacinação junto aos municípios.

Veja Mais